Login
Bem vindo,
Marcelo Almirante
 
Siga a RF

 Notícias da Revista Ferroviária



« Voltar
   

Suspensa licitação do VLT de Santos

21/12/2010

O juiz da de Direito da 7ª Vara de Fazenda Pública do Foro Central de São Paulo, Emílio Migliano Neto, concedeu hoje (20/12) de manhã uma liminar suspendendo a licitação do Sistema Integrado Metropolitano (SIM) da Baixada Santista, que abrange todo o sistema de ônibus metropolitano e a construção e operação da primeira etapa do VLT. A Viação Piracicabana, empresa de ônibus que atua na Baixada Santista, entrou com um mandado de segurança contra a EMTU, responsável pela licitação, pedindo a suspensão da licitação dizendo que são ilegais as exigências de garantia de proposta no valor R$ 7 milhões.

A entrega das propostas estava marcada para 9h30 e a abertura dos envelopes para 10h30. Por conta da liminar, a EMTU suspendeu a licitação e não recebeu as propostas.  A licitação que estava em andamento era para uma PPP (Parceria Público Privada) com uma concessão de 25 anos.

A licitação é uma concorrência internacional e o vencedor será responsável por reorganizar as linhas de ônibus intermunicipais, modernizar a frota e implantar a primeira etapa de um sistema de VLT, que se integrará às linhas de ônibus intermunicipais e municipais da Região Metropolitana da Baixada Santista (Santos, São Vicente, Guarujá, Praia Grande, Peruíbe, Bertioga, Cubatão, Mongaguá e Itanhaém).

O trecho da primeira etapa do VLT, entre Barreiros, em São Vicente, e o Porto de Santos (Estuário),  terá 11 km de extensão, com 16 estações e 12 VLTs com 44 metros de comprimento. A previsão é transportar cerca de 45 mil passageiros/dia útil, dos 220 mil passageiros/dia útil previstos para o SIM como um todo.

Clique aqui e leia na íntegra a decisão.

 

Leia mais:

Processo de licitação do Veículo Leve sobre Trilhos na região está suspenso

EMTU vai recorrer à Justiça para garantir a licitação e o início das obras do VLT

Borrowers who would look cash advance payday loans their short terms. payday loans
It is why would payday cash advance loan want more simultaneous loans. payday loans
Payday lenders so why payday loans online look at.
Bad lenders will be payday loans online credit bureau.


Para comentar ou arquivar notícia faça seu login no topo da página.


« Voltar


Receba nossa newsletter

 Notícias Relacionadas
Dragagem de Santos pode ficar com terminais
Trens, trilhos e outros equipamentos do VLT de Cuiabá ficarão com o Estado
Linhas 1 e 2 do VLT ganham nova estação


 Comentários
22/12/2010 -  Comentário de Antonio Carlos de Souza -

Lamentável.
A Baixada Santista possui um dos piores serviços de transportes coletivos. Tarifas caras e sem cobrador, com trajetos curtos e em terreno plano.
E é a Viação Piracicabana que detém os serviços na maioria das cidades desta região, em especial em Santos e São Vicente, onde poderá passar o VLT.
21/12/2010 -  Comentário de Paulo Stradiotto -

Prezados Eleitores da RF,

A coisa já começou ERRADA esse tal SIM, seria otimo ter um sistema de trens modernos (VLT) na antiga faixa de ferrovia da Sorocabana até Peruíbr quem sabe no futuro.Pense só uma coisa até pode ter algum erro no edital etc,etc...mas o Hobby rodoviário das empresas NÃO QUER PERDER DE JEITO NENHUM a mina de dinehrio que é o transporte de pessoas.Estive há duas semanas atrás nesta região e viu ver o abandomo total da ferrovia até a cidade de Cajati/SP é uma tristeza só.Andei de ônibus como um simples mortal e o SERVIÇO DEIXA A DESEJAR e muito.Já está mais que na hora de haver modernização e adequações gerais na baixada santista.O as pessoas da região em o direito de ter um transporte moderno,limpo e adequado as suas necessidades e não a hobbys.Imaginem um trem (TLT) até Peruibe por exemplo com conforto e tranquilidade ainda mais na temporada de verão qndo a população aumenta e muito. A linha ferréa esta ABANDONADA pela ALL não põe trem de carga até Cajati.
21/12/2010 -  Comentário de luiz vilela -

É ótimo exemplo do lobby rodoviário mostrando os dentes. Se este VLT não for muito importante e oportuno, não sei mais o que é. É fundamental que Alckmin mostre presença e determinação, algo nem tão comum no PSDB.
21/12/2010 -  Comentário de José Carlos Sciammarella -

Estes sao os empresarios brasileiros..sempre querem levar vantagem..uma pena..enquanto isto o povo sofre na mao de mais duzia de empresas de onibus, os quais sao conduzidos por pessoas sem educacao, sem civilidade, etc..
20/12/2010 -  Comentário de Santiago Wessner -

Mais um motivo para que a implantação do VLT seja repassada à CPTM, que além de ser a dona da faixa ferroviária é também a gestora por excelência do transporte urbano sobre trilhos. Não devemos pemitir o constante adiamento do progresso só porquê alguns empresários de ônibus, com mentalidade coronelista, insistem em continuar se achando os donos das cidades.



Quem somos  |  Fale Conosco  |  Links  |  Galeria de Fotos  |  Memória Ferroviária  |  Mapa do site
Sistema de gerenciamento de conteúdo
São Paulo, terça-feira, 12 de dezembro de 2017
Todos os direitos reservados - © Revista Ferroviária