Recuperação da senha
Insira o seu e-mail cadastrado para receber instruções para recuperar o seu acesso.
×




Cadastre-se já na newsletter. Fique por dentro das notícias, cadastre-se agora na newsletter!
Últimas Notícias

Transporte ferroviário de cargas cresce quase 9% em setembro de 2020, mostra painel da CNT

  20/11/2020
person Agência CNT de Notícias
person Agência CNT de Notícias
Transporte ferroviário de cargas cresce quase 9% em setembro de 2020, mostra painel da CNT

Dados atualizados do Painel CNT do Transporte - Ferroviário, da Confederação Nacional do Transporte, mostram que a movimentação de cargas por ferrovias, em setembro deste ano, alcançou 48,25 milhões de TU (toneladas úteis), resultado 8,9% maior do que no mesmo mês de 2019, quando foram transportadas 44,3 milhões de TU. No acumulado de janeiro a setembro, o volume se aproxima de 357,9 milhões de TU, resultado 3,7% inferior ao do mesmo período de 2019.

Minério de ferro é o principal produto transportado sobre trilhos no país, com 256,3 milhões de toneladas úteis, quase 72% do total. Em seguida, está a soja, que responde por 7,7% (27,6 milhões de toneladas).

O setor tem mantido a estabilidade dos resultados neste momento de crise. Os indicadores reforçam a importância do modal para o transporte de grandes volumes de cargas em grandes distâncias, especialmente commodities, o que é essencial para a economia do país, analisa o presidente da CNT, Vander Costa. Além disso, ele salienta a relevância da integração com outros modais para viabilizar um transporte eficiente e competitivo. Nesse sentido, ainda, Vander Costa também defende que é fundamental garantir que investimentos privados possam ser aplicados em soluções de infraestrutura. Por isso, a CNT apoia a prorrogação antecipada dos contratos das concessões ferroviárias.

Conforme o Painel CNT do Transporte - Ferroviário, a maior parte das cargas movimentadas por ferrovias em 2020 tem origem nos estados do Pará (139,6 milhões de TU) e de Minas Gerais (137,0 milhões de TU). Os produtos que saem do Pará têm como principal destino o Maranhão; as cargas que partem de Minas Gerais seguem, principalmente, para Rio de Janeiro e Espírito Santo.

A EFC (Estrada de Ferro Carajás) lidera no volume de toneladas úteis transportadas em 2020, com 141 milhões de TU (39,4% do total). Em seguida, vem a MRS (82,1 milhões de TU, que equivalem a 23% do total) e da EFVM (Estrada de Ferro Vitória-Minas), que transportou 52,8 milhões de TU, 14,8% do total.

O Painel CNT do Transporte - Ferroviário é uma ferramenta interativa que permite consultas dinâmicas aos dados do setor. Ele traz indicadores e dados relevantes para formuladores de políticas públicas e empresários que buscam informações atualizadas e precisas para a tomada de decisão.

Fonte: https://cnt.org.br/agencia-cnt/transporte-ferroviario-d...