Recuperação da senha
Insira o seu e-mail cadastrado para receber instruções para recuperar o seu acesso.
×




Cadastre-se já na newsletter. Fique por dentro das notícias, cadastre-se agora na newsletter!
Últimas Notícias

São Paulo tem aumento de 615 mil passageiros no Metrô, CPTM e EMTU

  01/07/2020
person Metro Jornal
person Metro Jornal
São Paulo tem aumento de 615 mil passageiros no Metrô, CPTM e EMTU Passageiros usam máscaras no Metrô de São Paulo - Ronny Santos/Folhapress

Estado de São Paulo registra aumento de 615 mil passageiros nos transportes metropolitanos desde o início do mês e do plano de flexibilização. Na última sexta-feira, foram 3,6 milhões de usuários, somando os trens do Metrô e da CPTM, além dos ônibus intermunicipais da EMTU.

Em 1º de junho, dia do início do Plano São Paulo de retomada gradual da economia, eram 3,01 milhões de passageiros, ou seja, houve um aumento de 20% em menos de um mês.

Em entrevista à Rádio Bandeirantes, Alexandre Baldy, secretário estadual dos Transportes Metropolitanos, afirma que, devido ao crescimento da demanda com a retomada, as linhas estão operando com 100% da capacidade em determinados momentos do dia.

Nós temos observado, a cada dia, um aumento de passageiros pela retomada das atividades econômicas, mesmo que gradativas. Sabendo que somos um transporte de massa, que por si só gera aglomeração, nós temos feito todo o trabalho para que a gente possa evitar aglomeração. Enfrentamos desafios e colocamos toda a frota disponível, chegando a 100% da nossa frota onde for necessário e quando for necessário, disse Baldy.

Mais de 1,5 milhão de pessoas usaram somente as linhas do Metrô na última sexta-feira, 26, enquanto 1,2 milhão de passageiros pegaram os trens da CPTM e cerca de 800 mil utilizaram os ônibus da EMTU.

Se compararmos ao início da quarentena no estado, quando circulavam dois milhões de pessoas no transporte, o crescimento após três meses é de 78%.

BOXES DE DESINFECÇÃO Para tentar auxiliar os usuários dos trens e metrôs, a Secretaria de Transportes Metropolitanos já instalou mais boxes de desinfecção em mais de 30 estações de trem e metrô. A meta é chegar a 50 locais diferentes.

Esse aparelho é um túnel com cerca de três metros que borrifa uma solução higienizante nas pessoas, chamada clorexidina, eficaz contra bactérias, fungos, leveduras e vírus por até quatro horas.

Fonte: https://www.metrojornal.com.br/foco/2020/06/30/sao-paul...