Recuperação da senha
Insira o seu e-mail cadastrado para receber instruções para recuperar o seu acesso.
×




Cadastre-se já na newsletter. Fique por dentro das notícias, cadastre-se agora na newsletter!
Últimas Notícias

Alstom estuda fusão com setor ferroviário da Bombardier

  22/01/2020
person Diário do Transporte
person Diário do Transporte
Alstom estuda fusão com setor ferroviário da Bombardier Fábrica da Bombardier em Crespin, França

O setor ferroviário do grupo canadense Bombardier pode se fundir à francesa Alstom.

Informações da agência Bloomberg dão conta de que a Alstom teria contratado estudos para uma possível fusão com a empresa canadense, que viu seus resultados financeiros de 2019 piorarem após prejuízo no valor de sua parceria com a Airbus.

As informações são do jornal francês Le Monde.

Ainda de acordo com o jornal, um dos motivos para a possível fusão, por iniciativa da Alstom, decorre da consolidação global do setor de construção ferroviária. Por trás disso, está o surgimento da gigante China Railway Rolling Stock Corporation (CRRC) com 28 bilhões de euros em faturamento.

Desde 2018 o grupo canadense estuda opções para reduzir sua dívida pesada.

Com a notícia de uma possível fusão do setor ferroviário da Bombardier com a Alstom, as ações da companhia tiveram alta de 4%. Isso representou um aumento no valor de mercado da companhia ferroviária, que passou a 2,4 bilhões de dólares (cerca de R$ 10 bilhões).

A transação, no entanto, pode enfrentar fortes obstáculos.

Vale lembrar a fracassada tentativa de fusão entre a Alstom e a alemã Siemens, vetada pela  União Europeia sob a alegação de que as operações em conjunto trariam "sérios riscos à concorrência", como mostrou o Diário do Transporte. Relembre: União Europeia bloqueia fusão Alstom-Siemens por causa de "sérios riscos à concorrência"

À época, o governo francês considerou como "erro político" a decisão da União Europeia em face do surgimento da gigante chinesa CRRC.

Fonte: https://diariodotransporte.com.br/2020/01/22/alstom-est...