Recuperação da senha
Insira o seu e-mail cadastrado para receber instruções para recuperar o seu acesso.
×




Cadastre-se já na newsletter. Fique por dentro das notícias, cadastre-se agora na newsletter!
Últimas Notícias

Empreiteiras criam instituto para recuperar credibilidade perdida com Lava-Jato

  10/10/2019
person O Globo
person O Globo
Empreiteiras criam instituto para recuperar credibilidade perdida com Lava-Jato Entidade será presidida pelo general Etchegoyen, ex-ministro do governo Temer Foto: Givaldo Barbosa / Agência O Globo
Com a imagem profundamente arranhada pela Operação Lava-Jato , as empreiteiras brasileiras decidiram se unir em um esforço comum para recuperar sua credibilidade. Um grupo de 22 empresas e instituições lançou, nesta quarta-feira, o Instituto Brasileiro de Autorregulação do Setor da Infraestrutura . A entidade traz, em seu estatuto, a missão de fortalecer a ética, a integridade, a transparência e o combate à corrupção.- É o momento de celebrarmos a coragem moral de olhar pra trás, de confirmar que foram cometidos erros, de identificar os caminhos que podem ser percorridos a partir do presente e de enfrentar um novo ambiente, em que as disputas se façam exclusivamente pela competência técnica de cada um - afirmou o presidente da entidade, Sergio Etchegoyen, general que chefiou o Gabinete de Segurança Institucional no governo  Michel Temer.De acordo com o "termo de adesão" assinado pelos empresários, o momento atual é estratégico para o setor de infraestrutura reforçar o compromisso com a boa governança, marcada pelo fim da tolerância a esquemas de corrupção, como  fraudes, concorrência desleal e lavagem de dinheiro. Uma das metas é o surgimento de novas e melhores condições de negócios."Muitas empresas do setor têm manifestado preocupação com a ostensiva mídia negativa a que suas marcas estão sendo vinculadas e o quanto isso tem sido óbice à demonstração das ações positivas ora em curso para a reestruturação de suas organizações e contribuição positiva para a Economia", diz um trecho do documento. A medida foi aplaudida pelo governo. Wagner Rosário, ministro da Controladoria-Geral da União (CGU), afirmou que a iniciativa ajuda a trazer mais segurança, contribui para o crescimento sustentável do setor e para a atração de investimentos estrangeiros.- E a vantagem da autorregulação é que ninguém conhece mais de infraestrutura do que o próprio setor - disse Rosário.Já o ministro de Infraestrutura, Tarcísio de Freitas, destacou que o mercado precisava desse compromisso. Para ele, a medida é fundamental para a sobrevivência das empresas.- É o momento de dar a resposta, reconhecendo o erro e nos permitindo caminhar novamente, a passos firmes, na direção correta, na direção da prosperidade. Aprendemos a duras penas lições amargas. O setor já aprendeu que não há espaço para determinadas práticas. Todos vamos dar a volta por cima- afirmou o ministro.Emir Cadar Filho, presidente da Brasinfra - entidade que representa mais de 90% da capacidade produtiva do setor - destacou que a iniciativa é inédita. Ele enfatizou que a autorregulação vai promover um novo ambiente de relacionamento entre contratadas e contratantes.-  É um marco na História do país - salientou.

Fonte: https://oglobo.globo.com/economia/empreiteiras-criam-in...